Trensurb assina contrato para aquisição de novos trens com ar-condicionado

Home  »  Comunicação  »  Trensurb assina contrato para aquisição de novos trens com ar-condicionado
nov 27, 2012 No Comments ›› Guilherme Darros

Em breve os usuários da Trensurb poderão fazer seu trajeto com mais conforto. Isto porque na manhã desta segunda-feira, 26 de novembro, o diretor de Administração e Finanças da empresa, Leonardo Hoff assinou juntamente com o Presidente Humberto Kasper, membros da direção da empresa e do Consórcio FROTAPOA, o contrato para aquisição dos novos trens equipados com ar-condicionado.

O consórcio formado pela Alstom, da França, e Caf (Construcciones y Auxiliar de Ferrocarriles), da Espanha, ambas com fábrica no Brasil, apresentaram proposta de R$ 243,75 milhões para construção dos veículos que começarão a ser entregues no início de 2014.

Para Hoff que utiliza o transporte metroviário quase que diariamente durante seu trajeto ao trabalho destaca o compromisso da empresa com os usuários. “A climatização, assim como o fornecimento de veículos mais confortáveis e com consumo menor de energia são elementos que deixam claro a preocupação da Trensurb a qualidade no transporte dos usuários”, destaca o diretor.

No ato de assinatura, o diretor-presidente da Trensurb, Humberto Kasper, afirmou se tratar de um marco importante da história da empresa. “É a primeira aquisição de frota desde a inauguração da linha, lembrou, justamente quando a Trensurb prepara-se para concluir seu projeto original, de oferecer um meio de transporte seguro, eficiente e limpo até o Centro de Novo Hamburgo”, destacou o presidente.

O Diretor de Desenvolvimento de Negócios, Marketing e Vendas da Alstom, Luiz Fernando Ferrari parabenizou a Trensurb pela forma profissional e muito rápida com que a empresa conduziu o processo de aquisição dos novos trens. Segundo ele, o metrô gaúcho está adquirindo o que há de mais moderno no mercado. Ele declarou que o prazo para a entrega do primeiro trem, antes da Copa do Mundo de 2014, é um desafio, mas que a indústria nacional tem todas as condições de cumprir. “Agora é arregaçar as mangas e trabalhar”, concluiu. Agenor Marinho, diretor geral da CAF no Brasil

Os novos trens
A empresa contratada deverá fabricar e fornecer 60 carros de passageiros, compostos em 15 trens de quatro carros.

As novas composições terão equipamento de ar condicionado com regulagem automática de temperatura, sistema de comunicação multimídia, painéis com mapa dinâmico da linha, iluminação interna com LED, cinco dispositivos de fixação de bicicletas em um dos carros intermediários, dois módulos para cadeirantes em cada carro de extremidade, assentos preferenciais em todos os carros (mínimo de 5% do total de assentos), sistema de detecção de incêndio, vidros laminados duplos não-estilhaçáveis, inibição de abertura de portas fora da área da plataforma, sistemas de autodiagnóstico e monitoramento de falhas, capacidade de operação em modo de condução manual ou automática e possibilidade de acoplamento. A vida útil mínima dos novos veículos deve ser de 30 anos.

O diretor de Administração e Finanças da Trensurb, Leonardo Hoff assinou contrato para aquisição dos novos trens

Tagged with: , , , , , , , ,

Leave a Reply